edp news

EDP firma parceria com Rede Graal para instalação de pontos de carregamento para veículos elétricos

Segunda-feira 23, Novembro 2020

Os eletropostos farão parte da rede de recarga ultrarrápida Plug&GO

A infraestrutura de mobilidade elétrica disponível nas rodovias brasileiras acaba de ganhar mais um reforço. Isso porque a EDP, empresa que atua em toda a cadeia de valor do setor elétrico, e a Rede Graal, mais completa cadeia de postos de serviços nas estradas do País, anunciaram uma parceria para a instalação de oito pontos de recarga para veículos elétricos no Estado de São Paulo. Os eletropostos farão parte do projeto Plug&GO, a primeira e maior rede de recarga ultrarrápida de automóveis elétricos da América do Sul, iniciativa em parceria com as fabricantes Audi, Porsche e Volkswagen.

As oito estações de recarga terão suas instalações iniciadas ainda em 2020, nos seguintes postos Graal: Buenos Aires (Rod. Regis Bittencourt km 449 – Registro); Petropen (Rod. Régis Bittencourt km 461 – Pariquera-Açu); Coral (Via Anhanguera km 210 – Pirassununga); Topázio (SP 330 km 140 – Limeira); 125 Sul (Rodovia dos Bandeirantes Km 125 – Santa Bárbara d’Oeste); Trevo (Rodovia Anhanguera, Km 320, s/n – Ribeirão Preto SP); Mairiporã (Rod. Fernão Dias, km 62 – Mairiporã); e Rancho Português (Rod. Fernão Dias, km 70 – Mairiporã).

A expectativa, numa segunda etapa, é chegar a 15 estações de recarga implantadas em postos Graal, incluindo duas unidades em Minas Gerais. Desta forma, a EDP passaria a contar com eletropostos em todos os estados da região Sudeste. A Companhia possui, atualmente, 50 pontos de carregamento ativos no País e espera triplicar o tamanho dessa rede até o fim de 2022.

“A EDP quer assegurar aos motoristas de automóveis elétricos uma experiência de recarga rápida e segura. Por isso, estamos muito contentes em ter a Rede Graal como parceira neste projeto e em outros pontos de recarga que instalaremos ao longo do próximo ano”, afirma Nuno Pinto, head de Mobilidade Elétrica e Negócios B2C da EDP no Brasil.

“A Rede Graal apoia e participa do projeto de Pesquisa e Desenvolvimento aprovado pela ANEEL, por entender a importância do incremento na infraestrutura de recarga de energia elétrica para os proprietários de veículos elétricos e usuários das principais rodovias brasileiras”, comenta Nivaldo Júnior, gerente de Expansão da Rede Graal.

 

EDP e mobilidade elétrica

A EDP tem o compromisso global de eletrificar 100% de sua frota até 2030, assim como desenvolver novas ofertas e soluções comerciais que promovam a transição energética. No Brasil, a companhia já realizou investimentos importantes no setor. Em 2018, inaugurou um corredor de abastecimento de veículos elétricos entre Rio e São Paulo. Instaladas ao longo de 430 quilômetros da Rodovia Presidente Dutra, as estações de recarga tornaram possível fazer uma viagem completa em veículo elétrico entre as duas capitais mais populosas do Brasil. No fim de 2019, a EDP concluiu a instalação da maior rede de recarga de veículos elétricos do Espírito Santo, com a implantação de sete pontos de carregamento distribuídos pelo Estado.

Em 2019, a EDP apresentou em Chamada Pública da Aneel para o tema Mobilidade Elétrica projetos que, em conjunto, representam um investimento de cerca de R$ 50 milhões, via Fundo de Pesquisa e Desenvolvimento da Aneel, recursos próprios e de parceiros. O principal deles prevê a instalação são 30 pontos de carregamento ultrarrápido que vão cobrir todo o Estado de São Paulo e conectar os principais corredores elétricos do País, interligando a capital paulista a Rio de Janeiro, Vitória, Curitiba e Florianópolis e formando um corredor com mais de 2.500 quilômetros de extensão. Trata-se do primeiro e maior projeto da América do Sul de instalação de carregadores ultrarrápidos (150kw e 350kw), com um investimento de R$ 32,9 milhões. O primeiro deles foi implantado em outubro e outros 10 estão previstos até o fim deste ano.

Em outubro, a EDP fechou uma parceria com a Unidas, líder no mercado de terceirização de frotas e segunda maior locadora de veículos do Brasil, para fortalecer o mercado de locação de automóveis elétricos. Caberá à Unidas disponibilizar os carros elétricos para os segmentos corporativo e pessoa física (Rent a Car), e a EDP atuará como fornecedora de um conjunto de soluções, incluindo carregadores elétricos customizados para a necessidade de cada cliente, a instalação e manutenção desses equipamentos, uma plataforma de gestão dos carregamentos, além da oferta de fornecimento de energia, que poderá, dentre outras possibilidades, ser feita por meio de um contrato de venda e instalação de painéis para geração solar, de forma a atender a demanda energética da frota. A iniciativa visa a atender a demanda crescente de empresas e consumidores por opções de mobilidade não poluentes que, além de ambientalmente amigáveis, proporcionem significativa economia de custos com combustível e manutenção.

 

Sobre a EDP no Brasil

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, possui seis unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica, além de atuar em Transmissão, Comercialização e Serviços de Energia. Em Distribuição, atende cerca de 3,5 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo, além de ser a principal acionista da Celesc, em Santa Catarina. Foi eleita em 2020 a empresa mais inovadora do setor elétrico pelo ranking Valor Inovação, do jornal Valor Econômico, e é referência em Governança e Sustentabilidade, estando há 14 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3.

Siga a EDP em: Site|LinkedIn| https://mobilidade.edpsmart.com.br/residencias